Sac Comigo: 0800 642 1500

Notícias

A 101ª maior do Brasil

Data: 04/10/2022

A COMIGO alcançou colocações de destaque nacional na edição 2022 do anuário Valor 1000, publicação do jornal Valor Econômico. Na classificação geral, que rankeia todas as empresas, a Cooperativa atingiu a 101ª colocação, subindo 14 posições em relação ao ano anterior, onde ocupava a 115ª posição. Na classificação geral regional, a COMIGO é a 6ª maior empresa entre as 50 maiores das regiões Norte e Centro-Oeste.

Já nos rankings específicos das empresas do setor de agronegócio, de acordo com a publicação, a COMIGO foi considerada a empresa de melhor desempenho do setor nas regiões Norte e Centro-Oeste e em 3º lugar em desempenho do setor no Brasil. 

De acordo com o presidente da COMIGO, Antonio Chavaglia, “a Cooperativa tem trabalhado estes anos todos em prol da sustentabilidade e rentabilidade do produtor”, com diversos investimentos, principalmente em industrialização e armazenagem, mas também na prestação de serviços e no oferecimento de insumos, fertilizantes, sementes, máquinas, implementos, rações e demais itens de alta qualidade, o que faz o cooperado ser cada vez mais participativo.

“As pessoas aqui estão sempre mais capacitadas para fazer gestão, mais focadas na prestação de serviços da Cooperativa, então não é um fator isolado, é o conjunto destes fatores, de toda a equipe que está focada em fazer um serviço eficiente, temos procurado fazer isso e tem trazido resultados positivos, mais associados e melhor comercialização”, afirma o presidente.

O diferencial cooperativista

Chavaglia atribui o sucesso também ao modelo cooperativista de atender aos interesses do cooperado, que tem levado a COMIGO a atingir bons resultados graças à participação cada vez mais frequente dos associados. “Nós vamos continuar avançando com o objetivo de levar resultado ao produtor, este é o objetivo principal, este é o principal diferencial do cooperativismo, é focar em formação, em novas tecnologias para continuar crescendo, e é isso que o cooperado quer”, declara.

Perspectivas para 2022

As posições são baseadas nos resultados consolidados do ano anterior, ou seja, dados de 2021, em que a COMIGO obteve faturamento superior a R$ 10 bilhões. Os resultados consolidados e o ranking final das empresas que compõem o anuário são obtidos através de coleta, tratamento, tabulação e análise realizada pelo Valor Econômico, em parceria com a Serasa Experian e o Centro de Estudos em Finanças da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAE).

Chavaglia afirma que, para 2022, a Cooperativa deve continuar crescendo: “a previsão é de R$ 15 bilhões de faturamento, por conta do aumento de recebimento de produtos, então nós não temos medido esforços para atender cada vez mais a demanda do produtor rural cooperado”.

O anuário já está em circulação nas bancas e para os assinantes da revista. Para conferir o ranking e as demais empresas, com suas respectivas posições, acesse https://infograficos.valor.globo.com/valor1000/2022




Voltar